Beleza Materna

Flacidez vaginal pós-parto e incontinência urinária? Tratamentos a laser resolvem Técnicas de empoderamento íntimo melhoram sensivelmente a aparência da área genital, além de aumentar o tônus, a elasticidade e a lubrificação

 | 

Não são apenas as mulheres mais velhas (menopausadas) que sofrem com os incômodos da flacidez vaginal e incontinência urinária. Conforme especialistas no assunto, o problema pode atingir mulheres em qualquer idade, principalmente aquelas que já passaram por mais de um parto natural, o que traz reflexos não apenas a sua atividade sexual como também à própria saúde psicológica feminina. A boa notícia é que, cada vez mais, a medicina moderna oferece alternativas eficazes e sem a necessidade de cirurgias ou procedimentos mais invasivos, como os tratamentos a laser.

“Essas modernas técnicas recuperaram não só o aspecto estético, mas também funcional da genitália, trazendo à mulher muito mais conforto e segurança”, informa o médico dermatologista Ilner Souza, membro das sociedades brasileira e europeia de dermatologia.

Conforme o especialista, além de melhorar sensivelmente a aparência da área genital, os tratamentos a laser, chamado de empoderamento íntimo, também aumenta o tônus, a elasticidade e a lubrificação nas paredes vaginais.

Leia também:

Obesidade e gravidez: saiba como o problema pode prejudicar a sua fertilidade

Os perigos de tentar voltar ao corpo de antes da gravidez logo após o parto

Os procedimentos, envolvendo alta tecnologia, resolvem não apenas a flacidez vaginal pós-parto e incontinência urinária, mas também outros relacionados a fatores genéticos, hormonais e até hábitos que contribuem para o surgimento de alterações na estética genital, inclusive externamente. “Sudorese excessiva, escurecimento, excesso de pelos e ressecamento na área, redução da sensibilidade do ponto G, grandes lábios finos e pequenos lábios inestéticos são as principais queixas”, informa o dermatologista.

incontinência urinária - Pixabay

Os casos de incontinência urinária e perda estrutural das paredes vaginais melhoram muito com a utilização do laser Fotona – foto: Pixabay

Tipos de tratamentos
A ginecologista Lourdes Goes, membro da equipe do doutor Ilner, destaca que os tratamentos para flacidez vaginal e incontinência urinária, assim como outros, dependem das necessidades apresentadas por cada paciente, podendo envolver uma ou mais técnicas.

Um problema relativamente comum, seja por pacientes com grande perda de peso ou mesmo por questões genéticas, é a hipertrofia dos pequenos lábios (quando estes crescem até se sobreporem aos grandes lábios). Além da questão estética, que constrange muitas mulheres, tem também uma questão funcional, pois acaba dificultando a penetração durante a relação sexual.

“Conforme o grau do problema, poderá ser resolvido com a radiofrequência focada do Exilis Elite, cujos estímulos elétricos e térmicos provocam a formação de colágeno no tecido, promovendo um remodelamento labial íntimo”, informa a doutora Lourdes Goes.

Já os casos de incontinência urinária e perda estrutural das paredes vaginais melhoram muito com a utilização do laser Fotona, que devolve firmeza à pele, mesmo nas camadas mais profundas, ajudando na sustentação, elasticidade e aumento de colágeno.

Duração
A duração do tratamento também depende do grau de intensidade do problema a ser resolvido, bem como da técnica de empoderamento íntimo utilizada. “O Fotona, por exemplo, é feito em três aplicações com intervalos de três dias”, informa o doutor Ilner Souza.

Ele ressalta ainda que, normalmente, os tratamentos a laser para flacidez vaginal são indolores ou apresentam desconforto mínimo, não impedindo que a paciente volte às atividades normais de sua rotina diária. Apenas algum resguardo quanto às relações sexuais é recomendado para o pós-procedimento.

filhos&tal

1 Comment

  1. Pingback: Sexo sem proteção pode causar infecção nas tubas uterinas

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *