Educação

Mensalidade do curso de medicina poderá ser financiada pelo Fies

 | 

A partir do próximo mês, a quantia financiável do teto do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) passa a ser de R$ 42.983 por semestre, o que representa um aumento de 43% no valor financiável da mensalidade. Com a ampliação dos recursos, o Fies poderá, agora, custear mensalidades de até R$ 7 mil, como por exemplo, as do curso de medicina.

Leia também: Saiba como ensinar os filhos a serem responsáveis desde cedo

Antes, o Ministério da Educação (MEC) repassava R$ 30 mil por semestre. Devido a alteração, o programa retoma o limite anterior. A estimativa é que cerca de 25% dos estudantes sejam beneficiados com a nova mudança, segundo anunciou, no último dia (6), o ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva.

Na oportunidade, o ministro destacou que a ampliação no teto de financiamento trará mais segurança ao programa. Rossieli revelou, ainda, que, a partir de agora, a instituição de ensino superior privada é obrigada a oferecer ao estudante beneficiado pelo Fies a menor mensalidade da turma em que se encontra.

Ainda de acordo com o ministro, a nova mudança vale para a modalidade 1, o chamado Fies público, que neste ano, deve ofertar ao menos 100 mil vagas. Nesta modalidade, as vagas têm juro zero e são financiadas diretamente pelo governo. Poderão ser beneficiados estudantes com renda familiar per capita de até três salários mínimos, ou seja, R$ 2.862.

“A intenção do ministério é aumentar a atratividade do programa O sistema permitia financiamento menor que 50%. Em alguns casos, chegava a 8%. Não conectava com o jovem ou com a família que precisava do financiamento”, disse o ministro.

Outra novidade da nova mudança vale para os alunos que já contrataram financiamentos inferiores no primeiro semestre. Segundo Rossieli Silva, caso os universitários quiserem ampliar para 50%, terão a oportunidade de renovar o Fies no segundo semestre.

Seleção

De acordo com balanço divulgado pela pasta, no processo seletivo do primeiro semestre foram firmados 35.866 contratos do Fies. Outros 16.351 estão em contratação no âmbito do processo seletivo para vagas remanescentes. No total, em 2018, serão ofertadas 310 mil vagas em todas as modalidades do Fies, sendo 155 mil no segundo semestre.

O processo seletivo para as vagas do segundo semestre deve começar em meados de julho, mas está aberto o processo seletivo para as vagas remanescentes do primeiro processo seletivo do ano. Atualmente, 2,7 milhões de estudantes são beneficiados pelo Fies.

Leia também: Conheça a nova base nacional curricular do ensino fundamental

Programa

O Fies concede financiamento a estudantes em cursos superiores não gratuitos, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo MEC.

Com informações da Agência Brasil

1 Comment

  1. Pingback: Aumento: escolas particulares começam a ajustar mensalidades para 2019

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *