Comportamento

Quarentena: dicas sobre o que fazer com a criançada em casa

 | 

Se o isolamento social é a solução para frear a transmissão do novo Coronavírus, a inesperada convivência familiar forçada pela quarentena pode gerar alguns problemas, sobretudo para os pais com mais de um filho, que têm de se rebolar para dividir a atenção entre todos e ainda dar conta do trabalho home office, serviços domésticos e educação dos pimpolhos. Para ajudar na tarefa, Filhos&Tal preparou uma grande lista de dicas sobre o que fazer com a criançada em casa nesse período. Confira e compartilhe.

Plataformas de educação

Uma das preocupações dos pais com a criançada sem poder ir à escola é exatamente a educação. Como estimular o aprendizado sem os livros e tarefas? Calma! A tecnologia está aí para ajudar e proporcionar novos aprendizados, assim como novas formas de aprender.

A plataforma educativa Kinedu, por exemplo, deixou seus conteúdos totalmente livresos pequenos de 1 a 4 anos. O serviço conta com mais de 1.800 atividades lúdicas, educativas e didáticas para as crianças em desenvolvimento, basta baixar o aplicativo neste link.

O Studycat, um dos principais aplicativos de ensino de línguas para as crianças, também deixou livre seu conteúdo para ajudar a distrair de forma educativas a criançada em casa. Basta baixar o aplicativo no seu smartphone e começar a usar. São cursos de diversas línguas como de inglês, espanhol, chinês, francês e alemão, além de uma enorme variedade de jogos online, quebra-cabeças, canções e exercícios interativos que incentivam a criatividade e a colaboração.

Canais de historinhas

Se tem uma coisa que os pequenos amam é ouvir histórias, ainda mais contadas de forma lúdica e divertida, por isso os canais no Youtube com esse foco também estão na nossa lita de o que fazer com a criançada em casa nessa quarentena.

No canal Fafá conta histórias, por exemplo,  atriz Flávia Sherner, além de narrar divertidas e curiosas historinhas, ainda fala sobre curiosidades e dicas de livros. Seu último vídeo narra a história sobre o coronavírus e como lavar as mãos é importante, de uma forma leve e totalmente pedagógica.

Já a professora Carolina Hessel conta histórias de uma maneira diferente e totalmente inclusiva, em libras. O canal, chamado Mãos Aventureiras, tem vários vídeos com um conteúdo lúdico e acessível. Vale a pena conferir!

Leia tambémComo cuidar da alimentação para manter a imunidade das crianças

O canal Varal de Histórias, da Juçara Batichoti, compartilha histórias que envolvem a diversidade, vínculos afetivos e a imaginação, mas também tem vídeos de oficinas de artesanato infantil.

O personagem Júlio, do programa Cocoricó, exibido pela TV cultura, tem o canal do Júlio, onde ele conta histórias, ensina brincadeiras e entrevistas pessoas famosas da cultura brasileira.

Leitura, brincadeiras e informação

Cansou de tanta historinha? Que tal inventar alguma brincadeira?

O site Tempo Juntos tem um acervo enorme de tutoriais e brincadeiras divertidas para fazer com a criançada. As brincadeiras são de acordo com as idades, tem para bebês de 0 a 2 anos, para crianças pequenas de 2 a 5 anos e crianças com idade de 6 até crianças maiores.

A artista e escritora Estéfi Machado separou uma cartilha com 40 brincadeiras super fáceis e com materiais acessíveis ou improvisados. O ‘kit de sobrevivência’ para uma quarentena brincante é totalmente gratuito.

O Lunetas é um portal de jornalismo para famílias e interessados na temática da infância. A proposta é espalhar informações, contar histórias, provocar reflexões, inspirar atitudes e voltar o olhar para a infância no Brasil. Dentro do portal tem um acervo de brincadeiras incrível. Confere ai!

O laboratório de Educação é uma organização não governamental que busca sensibilizar os adultos sobre a aprendizagem das crianças. Diante disto, nasceu uma parceria com o Itaú Social, um projeto de democratização a leitura. O site Espaço de Leitura é uma plataforma com histórias e jogos gratuitos.

O site domínio público disponibilizou 22 obras de literatura infantil gratuitamente, entre eles, o ratinho rói-rói, no reino das letras felizes, chuva e sol, a borboleta azul, entre outros.

Tevês fechadas para toda a família

Outra forma de entreter não só a garotada, mas toda a família é a boa e velha televisão. A NET, administrada pela Claro, liberou todos os seus canais jornalísticos e de filmes e séries, além de liberar todos os conteúdos pagos do aplicativo ‘NOW’, que conta com séries, desenhos, filmes e músicas. A liberação é por tempo indeterminado, basta ser cliente NET.

A Sky também deixou livre mais de 70 canais para os clientes da empresa, que podem ser acompanhados simultaneamente pelo aplicativo ‘Sky Play’, entre eles canais infantis, de cinema, música e documentários

A Vivo TV liberou aos usuáriostodos os seus canais, sem nenhuma restrição, que poderão ser assistidos pelo aplicativo ‘Vivo Play’.

A Oi TV abriu 13 canais, sendo 3 infantis, 2 musicais, 5 de séries e documentários e os três principais da plataforma Telecine.

Já a Disney liberou mundialmente todos os seus canais infantis, em todas as plataformas, entre eles Disney Jr, Nat Geo Kids e FOX.

Serviços de streaming

Os serviços de streaming se tornaram muito populares nos últimos anos, pela sua infinidade de conteúdos próprios. Até mesmo canais fechados criaram sua própria rede de produção, onde o usuário pode ter uma experiência melhor mais exclusiva com seus filmes, séries e desenhos favoritos.

A SpicinePlay deixou livre todo o seu conteúdo de filmes, séries e desenhos por 30 dias, a qualquer pessoa que entrar em seu site.

GloboPlay, o serviço da Rede Globo, também está disponível a todos as pessoas que não são assinantes durante 30 dias, basta baixar o app na sua loja de aplicativos, se cadastrar e aproveitar. O streaming conta com produções nacionais, novelas, filmes e mais de 30 produções infantis, além de todo o conteúdo Globo já produzido. Aproveite!

O Telecine também abriu por 30 dias serviços gratuitos para novos assinantes, além de disponibilizar todos os seus canais Premium, cult, fun, pipoca, Touch e Action liberados e já conta com exclusividade com o novo filme da Turma da Mônica Live Action.

Música

Vários festivais de músicas foram cancelados para evitar grandes aglomerações, devido a isso, houve a criação do Festival de Música Em Casa, para toda a família curtir os shows de grandes artistas brasileiros, e o melhor, é tudo transmitido ao vivo pelo Instagram. A programação iniciou dia 20 e segue até dia 29 de março, com 5 shows por dia, de 19h às 21h30.

familia curtindo o festival de musica em casa na quarentena

Os Shows são transmitidos pelos artistas, diretamente de suas casas, já que esses também entraram na luta de prevenção contra o Coronavírus. A programação conta com as apresentações de Michel Teló, Sandy e Jr, Luísa Sonza, Paula Fernandes e muito mais. Siga e aproveite